03 Feb

Diário de Luíza: 04 – A Terapia do Orgasmo

Este é um relato de Luíza, compartilhando seu histórico de tentativas em muitas terapias diferentes, e o diferencial que encontrou na abordagem Tântrica. Para ler seu relato anterior, acesse: Libertação Pelo Prazer


Hoje as coisas parecem fazer mais sentido para mim, quando os grandes sábios, mestres e pensadores falam tanto sobre “ A Felicidade está dentro de nós”. Isso sempre me soou como algo tão abstrato, eu poderia dizer que essa frase era mais um “cala boca” que quisesse dizer, ei acorda! o que você tá procurando não existe. Pois é, eu ficava “p” da vida quando precisava de uma resposta e vinha essa.

Há exatamente 5 anos atrás eu passava por uma crise amorosa. Lembro que sentei no chão do meu quarto e chorei tanto, mas tanto, por causa de um homem, que eu chamei meu Guia espiritual ou Anjo da Guarda. Não o vejo, mas sei que está quando eu chamo, e pedi eu ajuda, do tipo ou dá ou desce, eu não ia aceitar ficar sem ajuda, não dava mais. Eu estava quase obrigando ele a me dar uma resposta.

Foi então que, me acalmando aos poucos para tentar “ouví-lo”, e bem mais calma, veio uma frase: a resposta está dentro de você! Brincadeira, quem disse que eu queria ouvir aquilo?? Não acreditei, tanto sofrimento para receber esta resposta? Eu respirei, e aceitei. No fundo eu sabia que ele não ia me dar nem uma fórmula resolvida, não ia me levar à felicidade, não ia me dar nada de mão beijada. Então não me restou nada, eu tive que levantar e continuar.

Os anos se passaram e não foram nada fáceis, com desafios ainda maiores… passei em todos esses 5 anos por terapias alternativas e muito trabalho de autoconhecimento, me revirando de dentro pra fora e de fora pra dentro, percebendo muitas crenças que me limitavam, medos e condicionamentos sociais, culturais e familiares que formaram parte significativa da minha personalidade. Fui descobrindo e soltando muitas coisas que não me serviam para estar bem comigo e com os outros. Foi ótimo, mas minha vida ainda sentia o grande anseio pela felicidade que as terapias só conseguiram em parte me aproximar, mas não alcançar.

Aos 30 anos, eu conheci o trabalho do Centro Metamorfose, fiz as Massagens Yoni, e pela primeira vez, senti o verdadeiro orgasmo! Nada comparado as sensações que tinha nas relações sexuais que havia tido. Senti prazer absoluto, senti alegria plena, senti amor, amor por mim mesma, vazio de tudo, e preenchimento total. Sentimentos e sensações, que em certo nível, se mantiveram em mim nos dias posteriores.

O terapeuta Sagar, que me facilitou esta experiência maravilhosa, explicou que o orgasmo provocado na massagem libera na corrente sanguínea muitos hormônios reguladores de prazer, felicidade, bem estar, afeto, e saúde como a endorfina, a serotonina e a ocitocina.

Opa!! Não acredito!! Entendi! A ficha caiu! Putz, é isso!! Os hormônios!! Eu posso ativa-los através da máxima movimentação de energia sexual/vital que é o Orgasmo!! Caramba, a Felicidade está realmente dentro de nós!

Luíza


Para continuar acompanhando o desenvolvimento de Luíza, leia seu próximo relato: A Cura da Sexualidade/a>

Sagar

Share Button

One thought on “Diário de Luíza: 04 – A Terapia do Orgasmo

  1. Pingback: A Cura da Sexualidade - Diário de Luíza - Meu Querido Orgasmo

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>